"> Unidade de Gestão da Bacia do Save (UGBS) - ARA Sul - Administração Regional de Águas do Sul Unidade de Gestão da Bacia do Save (UGBS) - ARA Sul - Administração Regional de Águas do Sul

Unidade de Gestão da Bacia do Save (UGBS)


A Unidade de Gestão da Bacia do Save – UGBS, está sediada na cidade da Maxixe, província de Inhambane a cerca de 459km da cidade de Maputo. Tem como área de jurisdição a região banhada pelas bacias hidrográficas dos rios abaixo descriminados:

Bacia do Save


Save é uma bacia internacional partilhada por Zimbabwe e Moçambique, respectivamente com áreas de drenagem de 83845Km2 e 22575Km2, 79% e 21% da área total, de cerca de 106420Km2. Tem um comprimento total de 735Km, dos quais 330 no território moçambicano e 405Km no território zimbabweano.

A rede de drenagem é bem distribuída. No Zimbabwe, junto a fronteira, confluem duas linhas de água principais, os rios Runde e Save, constituíndo naquele país duas bacias hidrográficas independentes.

Nasce na República do Zimbabwe, e corre para Este, entrando em Moçambique pela localidade de Mavue distrito de Massangena. No seu percurso, limita as províncias de Manica e Sofala na região Centro, das de Gaza e Inhambane respectivamente na zona sul e desagua no Oceano Índico em Nova Mambone distrito de Govuro.

Estão em funcionamento nesta bacia três estações hidrométricas e igual número de pluviómetros, E-573 e P-800 em Nova Mambone, E-47 e P-1112 na Vila Franca do Save, E-86 em Massangena e P-338 em Jofane.

Bacia do Govuro


Com uma área de 11500Km2, é o mais importante rio da região Norte da Província de Inhambane. Nasce em Mapinhane distrito de Vilanculos e desenvolve-se de Sul para Norte ao longo de mais de 150Km, percorrendo os distritos de Vilanculos e Inhassoro, desagua no Oceano Índico na Região de Macovane.

Nesta bacia estão em funcionamento duas estações hidrométricas e três pluviométricas, E-439 em Pambarra/Vilancukos, E-503 em Vulanjane/Inhassoro, P-602 em Macovane/Inhassoro, P-744 em Mapinhane/Vilanculos, P-1130 em Cheline/Vilanculos e P-1120 em Muluguiane/Massinga.

Bacia de Inhanombe


O rio Inhanombe com uma área de drenagem de 1354Km2 e 45Km de comprimento, abrange os distritos de Homoíne, Maxixe e Morrumbene. Nasce na Lagoa Nhadimbe no distrito de Homoíne, desenvolve-se de Oeste a Leste e desagua no Oceano Índico em Móngoe distrito de Morrumbene, os seus afluentes são o Domo-Domo e o Furvela.

Tem duas estações hidrométricas e três em funcionamento. E-55, 12Km ao norte da cidade da Maxixe, E-586 em Mubalo distrito de Homoíne, P-1074 em Mocuba distrito de Homoíne, P-791 em Inhamússua distrito de Homoíne e P-662 na Maxixe.

Bacia de Inharrime


Possui uma área de 11850Km2 e um comprimento de 150Km abrangendo total ou parcialmente os distritos de Panda, Zavala e Inharrime. Nasce na província de Gaza e desagua na Lagoa Poelela em Inharrime. Possui quatro estações hidrométricas e igual número de pluviómetros em funcionamento. E-54, E-183, E-205 e E-476; P-571 em Coguno, P-792 em Inharrime, P-805 em Panda e P-909 em Inhassune.

Bacia de Mutamba


É um rio com uma área de 748Km2 e um comprimento de 65Km. Nasce perto da Lagoa Nhangela no distrito de Inharrime, desenvolvendo-se de Oeste a Este e desagua na Baía de Inhambane. Possui apenas uma estação hidrométrica e um pluviométrico em funcionamento. E-50 e P-745 em Jangamo.

Bacia do Murri


É um rio com uma área de 443Km2 e um comprimento de 22.5Km. Nasce em Manhenge no distrito de Massinga e desagua no Oceano Índico em Pomene no mesmo distrito. Tem apenas uma estação hidrométrica em funcionamento (E-56).